Extravio de bagagem: O que fazer? Entenda seus direitos e mais!

Fonte: Canva
18/05/2023

Esse é um assunto que deixa qualquer pessoa assustada, afinal pode transformar uma viagem relaxante em um verdadeiro pesadelo! Só quem já passou por uma situação de extravio de bagagem sabe a dor de cabeça que é.

Esse tipo de situação pode deixar os níveis de estresse no alto, principalmente se considerarmos que você está em um lugar totalmente estranho, bem longe de casa e sem as suas coisas.

Se isso já aconteceu com você, ou até mesmo se nunca aconteceu, continue a leitura e aprenda nesse guia sobre extravio de bagagem o que você deve fazer nessas situações.

 

+ Veja também O que é Seguro Viagem? Como funciona, benefícios e importância!

 

O que é Extravio de Bagagem?

O que é extravio de bagagem

Fonte: Canva

É basicamente quando você chega ao seu destino, mas a sua bagagem não. E há vários motivos para isso, como perca da mala, furto ou até mesmo levada por engano por outro passageiro.

O grande problema é que quando uma situação como essa acaba acontecendo, surgem várias dúvidas sobre formas de solucionar a questão rapidamente e sem grandes processos, afinal o foco é curtir a viagem!

 

+ Veja também Tudo sobre Cartão de embarque – O que é, tipos, como usar e mais

 

O que fazer em caso de Extravio de Bagagem?

Malas no aeroporto

Fonte: Canva

A primeira coisa que deve fazer ao perceber que a sua bagagem não está na esteira, é manter a calma e buscar informações com a companhia para ter certeza que se trata de um caso de extravio de bagagem.

Procure um funcionário da companhia que esteja próximo à esteira, e caso não encontre vá até o guichê da companhia e descreva todo o acontecido. Você vai precisar apresentar um comprovante do despacho de sua bagagem.

Esse profissional vai te auxiliar no processo de preenchimento do RIB (Relatório de Irregularidade de Bagagem). Em algumas companhias, esse mesmo relatório tem o nome de PIR.

Relatório preenchido no aeroporto

O ideal é preencher o relatório ainda no aeroporto, mas caso não consiga, você tem no máximo 7 dias a contar do concorrido para encaminhar a companhia aérea. Quanto mais tempo demorar a relatar o acontecimento, menor serão as chances de conseguir uma indenização pela bagagem extraviada.

Você pode entrar em contato através do SAC ou por e-mail para registrar formalmente a reclamação, e assim garantir o registro das informações.

Em casos de furto, o ideal é que além do preenchimento do RIB, haja um boletim de ocorrência, onde deve constar as informações da companhia aérea, o número do voo e tudo mais que tiver de informação.

Se no seu caso, a sua bagagem chegou até você com danos, tire fotos de todas as partes danificadas, e relate tudo o que aconteceu a companhia área.

Se perceber sinais de violação, ou até mesmo a retirada de alguma coisa, você precisa EXIGIR que a empresa aérea pese a sua mala danificada e entregue um comprovante com as informações.

Assim, terá informações para comparar o peso da mala no embarque e no desembarque.

 

+ Veja também Voo cancelado – Entenda seus direitos e veja dicas do que fazer!

 

Causas mais comuns de extravio de bagagem

Viajante no aeroporto com sua mala

Fonte: Canva

São muitas as situações que podem levar até essa situação. É exatamente por isso, que listamos as principais:

Conexão

Uma das causas mais comuns são as conexões. Nessas situações o que acontece é que quando você vai de um avião para outro, a sua mala acaba não trocando de voo com você.

As chances disso acontecer, são ainda maiores se o tempo de conexão for curto, porque a prioridade das companhias aéreas é evitar atrasos, e com isso podem acabar deixando algumas bagagens para trás.

Furtos

Nesses casos, isso pode acontecer tanto na área interna do aeroporto, como na esteira e até mesmo na parte externa. Quando você se dá conta, a mala simplesmente sumiu.

Nesses casos, um boletim de ocorrência se faz indispensável.

Perda da etiqueta

Se a sua mala estiver sem a tag de identificação, vai ficar praticamente impossível que o profissional responsável saiba para onde enviar a sua bagagem.

Com isso, a sua mala fica perdida até que você faça uma reclamação. É só a partir disso, que as buscas começarão.

Engano de outro viajante

Também pode acontecer de outra pessoa ter uma mala bem parecida com a sua, e acabar pegando por engano. Para esses casos, algumas companhias oferecem indenização.

Como evitar que sua bagagem seja extraviada

Bagagem no aeroporto

Fonte: Canva

É claro que não podemos controlar tudo o que está em nossa volta, mas existem algumas coisas que podem ser feitas para evitar o extravio de bagagem aconteça:

Identifique sua mala de maneira segura

É interessante que você faça a sua própria identificação, além da fornecida pela empresa. A identificação deve estar presente tanto dentro, como fora da sua mala.

Adicione seu nome, endereço, telefone e e-mail.

Use tags, adesivos, entre outros

Se você vai viajar para os Estados Unidos, vai precisar usar o modelo TSA, porque eles podem acabar abrindo a sua mala na alfândega. Se isso acontecer com você, fique sempre atento aos seus pertences.

Em suma, vale também personalizar a sua mala, faça com que ela fique o mais diferente possível das outras. Vale destacar com um lenço com uma cor viva, tags, adesivos ou até mesmo um desenho personalizado, use sua imaginação!

Use cadeados

Os cadeados acabam reduzindo as chances de furtos de seus pertences. Existem muitos tipos no mercado, além dos tradicionais: com segredo, digitais, são muitas as opções.

Evite grandes conexões

Mas sempre que possível, procure evitar ao máximo as conexões, principalmente entre companhias diferentes, mesmo que sejam curtas.

Minha bagagem foi extraviada: E agora?

Minha bagagem foi extraviada e agora

Fonte: Canva

Diante de muitas informações sobre prevenção de extravio de bagagens, surge a maior dúvida: o que fazer quando isso acontecer? Basta seguir esses passos:

Comunicar a companhia aérea

A obrigação de localizar sua bagagem é da empresa aérea, então qualquer problema que você venha a ter com seus pertences, precisa ser informado imediatamente a empresa através do RIB, ainda no balcão de atendimento da empresa no aeroporto.

Nesse relatório, você deve informar todas as suas informações, como o endereço de entrega, caso a mala seja localizada. No momento da entrega do RIB, o comprovante de despacho precisa ser apresentado.

Caso o preenchimento desse relatório não seja feito ainda no aeroporto, pode ser feito em até 7 dias após o desembarque, mas isso vai reduzir e muito as suas chances de conseguir uma indenização.

Em suma, você também pode fazer o registro imediato da reclamação através do SAC e e-mail.

Registrar no consumidor.gov

É importante também que você faça o registro do ocorrido direto no site consumidor.gov. Esse site é monitorado pela ANAC e, é bem conhecido por ser o canal onde as coisas se resolvem com agilidade.

Indenização em casos de bagagem extraviada

Indenização

Fonte: Canva

De acordo com a ANAC, o extravio de bagagem é válido de indenização. Os passageiros que estão passando por essa situação, devem receber da empresa uma ajuda de custo de R$305 para custear as compras emergenciais.

Caso a sua mala não apareça em até 7 dias, a companhia deve te indenizar até R$3.450. O grande problema é que na maioria das vezes o valor da indenização não é suficiente para o total do que estava na mala.

No caso dos seguros, grande parte dos planos oferecem até USD1.500. Por isso, vale consultar as coberturas de diferentes companhias.

Quais os direitos na justiça de quem teve a bagagem extraviada?

Isso é mais comum do que se imagina, já que nem sempre as companhias são muito justas, e com isso, muitos clientes procuram formas mais incisivas de recuperar os prejuízos.

O que é uma boa saída, já que sim, extravio de bagagens pode gerar uma ação de danos morais. Se você como consumidor se sentir lesado por toda a situação, pode e deve procurar o Juizado Especial Cível ou a Justiça convencional.

Tenha o máximo de provas possíveis, guarde recibos, notas fiscais, tudo o que você tiver que comprove as despesas geradas por esse transtorno.

Tudo isso servirá como prova durante o processo.

Benefícios do seguro viagem em caso de bagagem extraviada

Seguro viagem

Fonte: Canva

Na hora de escolher um bom seguro viagem, você precisa ter certeza que ele ofereça:

  • Ajuda no processo de localização da mala perdida;
  • Cobertura para atraso de bagagem;
  • Cobertura para extravio de bagagem;
  • Cobertura para danos à bagagem.

Existem duas formas de indenização que são oferecidas pelas seguradoras no reembolso aos passageiros que passam pelo processo de extravio de bagagens: O seguro de bagagem complementar e o suplementar.

Abaixo, veja o que são estes:

Seguro de bagagem complementar: nesse caso, como o próprio nome sugere, ele funciona como uma forma de complementar o seguro que a empresa aérea disponibiliza. Por exemplo, se a sua apólice é de R$3000 e a sua indenização foi de R$1200, o seu seguro será de R$1800.

Seguro suplementar: esse tipo de seguro pode funcionar de duas formas:

  • Na primeira situação, além da indenização da companhia aérea, o seu seguro vai pagar USD40 por cada quilo da bagagem.
  • Também existe a opção da seguradora pagar o mesmo valor que a companhia aérea.

Como você pôde ver, existem muitas formas de prevenir o extravio de bagagens. E as soluções para quando acontecer não são mirabolantes, você precisa apenas agir rápido!

 

 

Previna-se em sua próxima viagem e faça todo o planejamento após ler o nosso artigo! E ah, compartilhe sempre com os amigos e familiares para que eles possam estar bem informados.